MOÇÃO DE CONGRATULAÇÕES AO MUNICÍPIO DE CABACEIRAS DO PARAGUAÇU PELA PASSAGEM DO SEU ANIVERSÁRIO DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA.

 

A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA BAHIA faz inserir na ata dos seus trabalhos Moção de Congratulações ao município de Cabaceiras do Paraguaçu pela passagem do seu aniversário de 29 anos de emancipação político-administrativa, comemorado no dia 13 de junho do corrente ano.

 

“Já brilhou no horizonte. Uma estrela tão gentil. Cidade de Cabaceiras. Pedacinho do Brasil. A terra de Castro Alves. O Poeta de valor. O povo desta cidade. Comemoram com amor”. Esse trecho inicial do hino ao município logo apresenta o seu filho mais ilustre: o poeta Castro Alves. Mas além dessa forte caraterística, Cabaceiras do Paraguaçu tem uma trajetória marcada por outras peculiaridades.

 

A área onde está a cidade teve seu maior povoamento inicial em meados do século 16 por conta da chegada dos desbravadores por lá. Nessa época, um convento para a catequese dos aborígenes foi construído no local. Tempos depois, mais precisamente por volta de 1840, o Tenente Coronel José Antônio da Silva Castro, avô do poeta, mandou construir a Fazenda Cabaceiras no território que então era ligado ao município de Muritiba.

 

Três anos mais tarde, veio morar na propriedade o casal Antônio José Alves e Clélia Brasília da Silva Castro, respectivamente genro e filha do militar. Desse casamento, nasceu, no ano de 1847 e nessa fazenda, Antônio Frederico de Castro Alves, o Cecéu, como era chamado pela família e amigos, e que depois se tornaria conhecido como o Poeta dos Escravos por criticar o sistema escravista.

 

Com o passar dos anos, uma feira livre se formou no lugar, o que atraiu comerciantes e compradores de outras regiões, fato que ajudou o então povoado a progredir e ser elevado ao nível de distrito do município de Muritiba em 1953. A localidade alcançou a categoria de município através da Lei Estadual nº 5010, de 13 de junho de 1989. Cabaceiras do Paraguaçu preserva sua trajetória e cultura através também de edificações seculares, como o Parque Histórico Castro Alves, onde fica a fazenda em que nasceu o poeta. Dentre os atrativos naturais do lugar está o Rio Paraguaçu, que banha o município e é bastante frequentado principalmente aos finais de semana.

 

Na data em que Cabaceiras do Paraguaçu comemora a sua emancipação político-administrativa, a Assembleia Legislativa da Bahia parabeniza o município por preservar sua história e herança cultural, valores de grande significado para a formação da identidade do seu povo.

 

Dê-se ciência da presente Moção à Prefeitura Municipal e à Câmara Municipal.

 

 

Sala das Sessões, 08 de junho de 2018

 

 

Deputado Carlos Geilson